segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Menos de um segundo

As folhas caem no chão, enquanto o vendo balança os galhos das arvores, clima típico de outono,sento no banco abandonado e parado sigo procurando um caminho entre as folhas secas,é como se eu voltasse ao passado e revivesse tudo de novo, meus olhos buscam significados entre as coisas abstratas da vida,talvez não encontre significado nenhum, mas preciso escolher um rumo a seguir entre os meus pensamentos confusos, já que não tenho certeza de nenhum deles,só sei que estão aqui na minha mente e mudam a cada segundo, trazendo uma nova imagem a minha mente, um novo cenário a cada situação, é incrível como a imaginação pode nos tomar, em um momento estou em um labirinto de arvores com folhas secas que caem ao chão e em menos de um segundo eu vejo formas e novos caminhos onde eu tenho que escolher entre qual seguir, e se eu me perder, pelo menos vou estar longe da realidade da droga do mundo em que vivemos, e em menos de um segundo eu me torno o garoto mais feliz do mundo.

3 comentários:

  1. Nossa!,fikei até sem palavras agora,nunca me indentifikei tanto com algo assim,é a realidade do que vivo muito bom parabens!.

    ResponderExcluir